Sábado, 14 de dezembro de 2019
82991319220
Polícia

27/06/2019 às 23h23

134

Profº Nicanor

União dos Palmares / AL

Caso do policial preso divide oposição.
Senadores batem bota sobre o caso do policial preso na Espanha.
Caso do policial preso divide oposição.
congressoemfoco/redação

A prisão de um militar com 39 quilos de cocaína em avião de apoio ao voo presidencial dividiu a oposição no Congresso. Há quem defenda cautela na associação do nome do presidente Jair Bolsonaro ao episódio, como o deputado Marcelo Freixo (Psol-RJ), e quem exija a presença do ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, a exemplo do líder da oposição no Senado, Randolfe Rodrigues, e da presidente do PT, deputada Gleisi Hoffmann (PT-PR).


 Grande crítico de Bolsonaro, Freixo surpreendeu até os aliados do governo ao chamar de “leviana” a estratégia de parte da oposição de associar o presidente ao episódio. Segundo ele, esse seria o comportamento de Bolsonaro caso a droga tivesse sido apreendida em um avião de apoio ao transporte de ex-presidentes como Dilma, Lula e Fernando Henrique Cardoso - seus desafetos declarados.


 “Se os 39kg de cocaína fossem encontrados em aviões presidenciais de Dilma, Lula ou FHC, como Bolsonaro reagiria? Nós não podemos ser levianos. O episódio é muito grave e precisa ser esclarecido, mas pode ser um caso isolado e não é possível responsabilizar o presidente”, afirmou Freixo pelas redes sociais.


 Além de cobrar a apuração do caso, deputado citou o episódio para defender a revisão da política de combate ao narcotráfico no Brasil. “O caso da cocaína no avião presidencial mostra o erro de se insistir na política de guerra às drogas nas favelas brasileiras, vitimando os pobres. O tráfico de armas e drogas movimenta fortunas no mundo todo e envolve poderosos.  É preciso seguir o dinheiro, ir pro andar de cima”, disse.

FONTE: Congressoemfoco

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium